[Agenda Cultural] MIS-Campinas sedia a Mostra Amilar Alves

O Museu da Imagem e do Som (MIS) Campinas, situado no interior do estado de São Paulo, recebe entre os dias 10 a 12 de maio, a Mostra Amilar Alves, que leva o nome do cineasta campineiro que dirigiu o filme mudo “João da Mata” (1923), considerado o primeiro longa-metragem de ficção no Brasil.

O interessante evento, e também importante, dá luz a uma parte da história do cinema produzido na cidade de Campinas, interior de São Paulo. A mostra abre sua programação com a exibição do filme “João da Mata: um documentário” (1983), de Marcos Craveiro, no dia 10 de maio, quinta-feira.

Na sexta, dia 11, haverá duas sessões, o filme “Escola da Fazenda” (1949), As aventuras de Dr. A. Venca” (1950) e outra no sábado, com “Falsários” (1952), ambos dirigidos por Alfredo Roberto Alves, filho do cineasta Amilar Alves. A programação encerra com a palestra do cineasta e pesquisador Máximo Barros sobre os ciclos de cinema campineiros (entre os anos 20, 30 a 50).

Confira programação completa:

 

Dia 10/05 (quinta-feira)

“João da Mata: um documentário” (1983), de Marcos Craveiro

Horário: 19h30 no MIS-Campinas

Dia 11/05 (sexta-feira)

“Escola da Fazenda” (1949)

“As aventuras de Dr. A. Venca” (1950)

Horário: 19h30, no MIS-Campinas

Dia 12/05 (sábado)

“Falsários” (1952), de Alfredo Roberto Alves

Palestra com cineasta e pesquisado Máximo Barros

Horário: 17h// 18h

Todas as sessões acompanham debates no final.

 

Local: MIS-Campinas – Rua Regente Feijó, 859 – Centro, Campinas

Entrada gratuita

 

 

Erica Ribeiro

Erica Ribeiro

Comunicóloga, escritora, cineasta e cofundadora do EntreLinha. É cinéfila, amante das artes e da literatura.