“Decisão de Risco”, um filme ou uma propaganda?

 

"Eye in the Sky" é um filme que aborda o uso de drones na luta contra o terrorismo. Pequena parte do tempo é utilizada para mostrar o avançado nível da tecnologia da espionagem. Outra fração, também pequena, mostra grupos radicais que controlam algumas áreas no Quênia.

major

“Não diga a um soldado que ele não sabe o preço da guerra"

Mas a maioria absoluta do filme apresenta o sofrimento dos ocidentais que combatem o terrorismo, retratando a dificuldade, o que existe na seleção dos alvos e o sofrimento psicológico ao apertar o botão que dispara um míssil. Porém, em "Eye in the Sky" vai além ao mostrar como na hierarquia militar  e os militares de diferentes níveis empenham-se pela legalidade e humanidade dos seus atos.

É isso o que o filme mostra.

aaron

Aaron Paul, o Jesse de Breaking Bad chora ao disparar um míssil contra civis

Não duvido que algum dia alguém descubra que este filme tenha sido financiado pelo governo dos Estados Unidos, por exemplo. E isso não é teoria da conspiração. Basta procurar informações sobre o financiamento de Hollywood a favor da Guerra do Vietnã. “Rambo“, “Chuck Norris” e muitos outros criaram a imagem de que os EUA eram os good guys e os vietcongs seres bárbaros.

"Decisão de Risco", como foi titulado no Brasil, pode ser visto como entretenimento, mas é imprescindível ter em mente que não passa de propaganda favorável ao militarismo.

Ele conta com Hellen Mirren e o Aaron Paul, que é o conhecido como Jesse de Breaking Bad.

Lívio Sakai

Sou como um carro não muito velho, mas com 500.000 km marcados no odômetro.