Abraccine divulga lista com os melhores filmes brasileiros

 

O cinema brasileiro, embora ainda muitos espectadores não veem com bons olhos, possui muitas produções cinematográficas belíssimas, desde o cinema clássico ao contemporâneo, que deixaram suas marcas na história do cinema nacional.

A Abraccine – Associação Brasileira de Críticos de Cinema –, no final de novembro, divulgou uma lista com “Os 100 Melhores Filmes Nacionais” que, inclusive, em 2016, será publicado um livro de mesmo título que dará o devido destaque a essas produções.

Dentre elas, destaco um dos meus favoritos, na qual tive a oportunidade de debruçar-me através de estudos, olhando-os não apenas como uma espectadora, mas sim uma pesquisadora, são eles: “Limite” (1931), de Mario Peixoto; “O Pagador de Promessa” (1962), “Deus e o Diabo na Terra do Sol” (1964) Glauber Rocha; “Cabra Marcado Para Morrer” (1984), de Eduardo Coutinho, “Ilha das Flores” (1989), Jorge Furtado; “Central do Brasil” (1998), de Walter Salles; “Lavoura Arcaica” (2001), de Luiz Fernando Carvalho; “Abril Despedaçado” (2001), Walter Salles; “Jogo de Cena” (2007), Eduardo Coutinho; “Santiago” (2007), João Moreira Salles; “O Som ao Redor” (2012), de Kleber Mendonça Filho; “O Lobo Atrás da Porta” (2014), de Fernando Coimbra; “Estômago” (2010), de Marcos Jorge… E por aí vai, porque a minha lista é longa. . 

Não deixe de conferir o ranking dos filmes selecionados pela Abraccine (clique aqui) e aproveite para fazer uma sessão pipoca. Aprecie esses grandes filmes da cinematografia brasileira sem moderação.

Boa sessão!!

Erica Ribeiro

Erica Ribeiro

Comunicóloga, escritora, cineasta e também jardineira. É cofundadora do Coletivo Pausa, cofundadora/editora-chefe do EntreLinha, uma cinéfila incorrigível, amante das artes e da literatura.